sábado, 5 de dezembro de 2009

POEMAS DE FERNANDA JARDIM

CIDADE



Cenas da realidade
linda diva dos meus sonhos perdidos.

Imenso apreço
pelas tuas ancas largas.

Doce quimera,
musa dos pensares meus.

Dama da noite
feliz, solitária é a tua imagem.

Nunca te vejo pela metade,
sempre por inteiro,
como te admiro !

Anjo negro :
destino da minha vida.

..................................

OLHOS DE TIGRE


Após longo outono
encontrei-me afinal...

Cabelos ao vento,
contando os tormentos,
histórias de vidas passadas.

Estrada visceral
que nos conduz
a um destino de luz.

Vida, corpo, cruz.
Sinto-me fada,
sinto-me brasa,
sou filha de Oxum.

....................................


JARDIM


Cheiro de chuva
na minha manhã girassol.

Orvalho
nas plantas resplandecentes.

Arco-íris
anunciando o belo dia.

A vida caminha lá fora :
forte, viva e voraz.

Sonhos em minha mente audaz,
flores colhidas,
eterna primavera.

Sol, prisma, primordial.

Fantasia
no meu coração reluz.

Um blues jardim.


______________________________________________
FERNANDA JARDIM nasceu no Recife em agosto
de 1975. Formou-se na UFPE. Leciona inglês,
francês, espanhol e alemão. Atua em eventos
há 14 anos. Escreve poesia desde 1996 e,
além de Pernambuco, já divulgou os seus
trabalhos na Alemanha, Marrocos e Portugal.
Publicou estes livros de poesia : ANJOS-POETAS
(2005), DEFLORANDO OS HORIZONTES (Arte-livro
Editora, Recife, 2005), REFLEXO DE UM ESPELHO
(Editora Livro Rápido, Olinda, 2008). Os poemas
publicados neste blog fazem parte do livro
DIVINO AMOR (Editora Livro Rápido, Olinda, 2009),
que será lançado neste sábado, dia 5/dezembro/
2009, às 16 horas, na Casa da Cultura do Recife
(Raio Central).

Nenhum comentário: