quinta-feira, 4 de março de 2010

PIVA URGENTE : SÃO PAULO PRECISA PARAR (2)

O escritor Felipe Pontes, do Rio de Janeiro, que escreveu no PORTAL LITERAL (http://www.literal.com.br), dia 26/janeiro/2010, sobre a postagem "Piva Urgente", publicada em ESPELUNCA - BLOG DE ADEMIR ASSUNÇÃO (http://zonabranca.blog.uol.com.br), em 22/janeiro/2010,comentou depois no PORTAL LITERAL : "Ademir Assunção informa que Roberto Piva já encontra-se instalado em condições melhores." (28/janeiro/2010)

............................

Ainda bem.
O Hospital das Clínicas, de São Paulo, com uma diretoria que deve ser razoavelmente informada sobre a vida cultural de São Paulo, tendo, por isso, o dever de ouvir falar, de conhecer e, quem sabe ?, até reconhecer o poeta, tinha de agir.
E as Secretarias de Cultura, da Cidade e do Estado de São Paulo ? E as instituições e entidades culturais, a exemplo da UBE-São Paulo, Academia Paulista de Letras, Fundação Memorial da América Latina, Universidade de São Paulo,fizeram alguma coisa ? Vão fazer, vão agir de alguma forma ? E a Editora Globo, que publicou festivamente o poeta, estava junto dele, nessa hora, vai acompanhá-lo, agir em benefício da sua saúde ? Ou ele só serve para vender livro - quando vende - e para figuração promocional na Imprensa e nos balcões das raras livrarias brasileiras ? Ou o poeta vai ter mesmo de continuar vivendo em "infernos dantescos" e nessa "situação precária" denunciada corajosamente por Ademir Assunção ?
Um artista não vive de elogios, fraterno Ademir, e morre mais rápido, morre logo, envergonhado, pra baixo, se o que tem de receber é esmola. Essa história de que o poeta recebe remédios de "cotas de amigos" é uma vergonha para a Cidade e para o Estado de São Paulo. Nem indigentes analfabetos e trapos humanos vivem assim. E pensar que São Paulo é a cidade mais evoluída e mais rica do Brasil e da América do Sul...
Miserável São Paulo ! Pobre Brasil ! Triste América !

JUAREIZ CORREYA

Nenhum comentário: