terça-feira, 5 de junho de 2012

BANDEIRIANA, de Gilson Oliveira




Como a casa do meu avô
o nosso amor tinha o gosto
das coisas eternas.
Também se situava
numa espécie de rua da União.
Hoje ela se localiza
numa rua paralela
(como são belos e tristes 
os nomes das ruas do Recife!) :
a rua da Saudade...



(Da antologia POESIA VIVA DO RECIFE,
organizada por Juareiz Correya)


_____________________________________
GILSON OLIVEIRA - Recifense. Jornalista
e compositor popular. Reportagens publicadas 
no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco
e suplementos do Diário Oficial de Pernambuco.
Integra a equipe do novo Suplemento
Pernambuco, publicado pela CEPE/Governo de 
Pernambuco.

Agenda Cultural / Prefeitura do Recife
- Junho 2012 :  "Literatura"
http://www.recife.pe.gov.br/agendacultural  

Nenhum comentário: