terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

LANÇAMENTOS DE ARRAES E HERMILO EM SÃO PAULO

Um livro sobre Miguel Arraes, ex-governador de Pernambuco, e um livro de entrevistas do escritor pernambucano Hermilo Borba Filho serão lançados numa dupla programação conjunta, em março, em Santo André, no Grande ABC paulista, e em São Paulo, com o apoio da UBE - União Brasileira de Escritores e do jornal Linguagem Viva (www.linguagemviva.com.br). Os lançamentos de ARRAES NA BOCA DO POVO e A PALAVRA DE HERMILO ocorrem na Alpharrábio Livraria e Editora (Rua Eduardo Monteiro, 151, Santo André), quinta-feira, dia 19 de março, a partir das 18h30m, e, na sexta-feira, dia 20, no mesmo horário, na Livraria Folha de Rosto (Rua da Consolação, 319, Centro, São Paulo).
Publicado no ano do segundo aniversário da morte do ex-governador pela Fundação João Mangabeira/PSB (Brasília, 2007), o livro ARRAES NA BOCA DO POVO (Cordéis & Repentes), organizado por Juareiz Correya, reune trabalhos de sete poetas de cordel e de oito poetas-repentistas que contam em versos a trajetória política, numa quase-biografia poética, de Miguel Arraes de Alencar, considerado "o eterno governador de Pernambuco". O livro reproduz integralmente cordéis de autoria de José Soares, Severino Carlos, Leonardo Rodrigues dos Santos, João José da Silva, F. J. da Silva (Andorinha), José Bento da Silva e José Francisco Borges (J. Borges) ; e os versos de repentes de Lourival Batista, Jó Patriota, Ivanildo Vila Nova, João Furiba, Diniz Vitorino, Sebastião Dias, Rogério Menezes Sobrinho e Antonio Marinho do Nascimento.
O livro A PALAVRA DE HERMILO, organizado por Juareiz Correya e Leda Alves (Companhia Editora de Pernambuco - CEPE, Recife, 2007), lançado em homenagem ao 90o. aniversário do seu nascimento, reune 19 entrevistas concedidas pelo escritor Hermilo Borba Filho a revistas e jornais brasileiros. O encenador teatral, dramaturgo e romancista pernambucano expõe as suas idéias ao Jornal Pequeno, Diário da Noite, Jornal do Commercio, Diário de Pernambuco, Jornal da Semana, de Pernambuco; ao Diário de Lisboa, de Portugal; ao Jornal do Comercio e ao O Globo, do Rio de Janeiro; aos jornais A Gazeta e Movimento e às revistas Ele Ela e Veja, de São Paulo.