sábado, 14 de abril de 2012

POESIA VIVA DO RECIFE : "GEOGRAFIA DO MAL", de Eduardo Martins



- Homenagem aos 475 anos da Cidade 



Recife, diluidora 
dos meus sonhos,
tens água suficiente 
para afogar-me. 


Tuas lâminas de vento
ensaiam o corte 
das minhas pontes 
respiratórias. 


Em ti, sou ilha 
cercada de males 
por todos os lados.  



(Da antologia POESIA VIVA DO RECIFE,
organizada por Juareiz Correya)


..............................................................................................
EDUARDO MARTINS - Recifense. Professor universitário,
poeta, ensaísta. Atuou, na década de 1980, no Movimento
de Escritores Independentes de Pernambuco (MEIPE).
Livros de poesia : Restos do Fim (com Cida Pedrosa),
Eczema do Lírico, Procissão da Palavra, O lado aberto.


___________________________________________ 
Transcrito da AGENDA CULTURAL (Abril, 2012)
- Prefeitura do Recife / Secretaria de Cultura /
Fundação de Cultura Cidade do Recife
(http://www.recife.pe.gov.br/agendacultural)